fbpx

Um exemplo de superação


-2
39 shares, -2 points

Uma das coisas que a corrida mais me fascina é conhecer as histórias de vida dos corredores.

Esses dois caras tem grandes histórias de superação, mas hoje a estrela principal é o Anderson Coelho. Ele sim é o verdadeiro campeão!

O Anderson ficou cego após levar 6 tiros e perder completamente a visão. Ele tava na vida errada e Deus deu a ele a chance de se tornar uma pessoa melhor.

Quando ele foi para o Instituto São Rafael, descobriram nele um grande potencial para o atletismo.

O cara corre num pace médio de 3:30 e a maior dificuldade dele é encontrar um guia que corra no ritmo dele e abra mão de pegar pódio. Aí que entra o Kanu, que deixa a vaidade de lado para ser os olhos do Anderson na corrida.

Uma vez perguntei ao Anderson se ele preferia voltar a enxergar e viver a mesma vida que ele levava antes e ele disse que não. Pois ele só passou a enxergar depois que ficou cego.

Parabéns Anderson, parabéns Kanu. Fico muito feliz em ter a oportunidade de conhecer e poder contar a história de vocês.


Cassio Diniz

Começou a correr aos 29 para chegar bem aos 30. De 2008 pra cá já foram algumas maratonas, várias meias e incontáveis provas de 5 e 10k.
X